Criptomoeda ignora correção e dispara 40% nesta terça-feira

Criptomoeda ignora correção e dispara 40% nesta terça-feira

A correção no preço do Bitcoin pegou em cheio todo o mercado. Das 50 maiores criptomoedas em valor de mercado, 47 delas operam no vermelho nesta terça-feira (23).

Entre as três exceções, duas apresentam valorizações pouco expressivas. No entanto, a Solana (SOL) destoa deste cenário. A valorização da criptomoeda atingiu os 39% nas últimas 24 horas.

Valorização da SOL nas últimas 24 horas. Fonte: CoinMarketCap
Valorização da SOL nas últimas 24 horas. Fonte: CoinMarketCap

A Solana é uma blockchain que permite a criação de contratos inteligentes e aplicações descentralizadas. Sua rede permite processar até 50 mil transações por segundo, o que a torna bastante eficiente neste quesito.

Para a analista Delma Wilson, alguns fatores explicam a recente valorização da criptomoeda. Ademais, seu preço pode atingir novas máximas ainda este ano, segundo ela.

Solana integrada ao The Graph

Um fator fundamentalista foi relacionado com a plataforma The Graph. Esta plataforma funciona como um buscador de transação no Ethereum. E ela agora fornece suporte para a Solana.

Segundo a empresa, quatro blockchains foram recentemente adicionadas: Solana, Polkadot, Cosmos, Near Protocol e o próprio Bitcoin. Todas foram adicionadas em 18 de fevereiro.

“As blockchains recém-acrescentadas foram escolhidas com base em diversas características-chave: facilidade de integração, número de desenvolvedores e aplicações, além da contribuição da comunidade”, disse a empresa.

Com isso, investidores e desenvolvedores poderão encontrar mais informações sobre a Solana. Isso tende a aumentar a busca pela rede e, consequentemente, a demanda pelo token.

Preço pode atingir US$ 50 em 2021

Embora a notícia seja da semana passada, seu reflexo no preço dura até hoje. Com a alta de quase 40%, a SOL está negociada a US$ 13,26. Em reais, seu preço atingiu os R$ 72,14.

Em sua análise, Wilson traça um cenário sobre o preço do token e acredita que ele pode atingir os US$ 50 em 2021. Isso equivaleria a um preço de R$ 250 na cotação atual.

“O preço da SOL pode subir se chamar a atenção dos traders e aumentar sua base de usuários. O preço pode subir simultaneamente. No final de 2021, a SOL pode ser negociado na marca de US$ 50”, disse.

No cenário menos otimista, a SOL teria uma valorização menos intensa. Neste caso, Wilson imagina que ela poderia atingir US$ 18 até o final do ano, cerca de R$ 99 na cotação atual.

Leia também: Criptomoeda explode 200% e pode apresentar boa chance de compra

Leia também: 3 altcoins para comprar e lucrar no médio prazo indicadas por trader

Leia também: Taxas do Ethereum superam R$ 300 durante queda do mercado

Last News Crypto: Cripto Facil